Após renovação “bilionária” de Brown, quais os maiores contratos da NBA?

0
424
Jaylen Brown

"Jaylen Brown" by Ensclk.15 is licensed under CC BY-SA 4.0 .

A notícia da renovação contratual de Jaylen Brown com o Boston Celtics foi um dos pontos mais debatidos da pré-temporada 2023/24 da NBA. O ala/armador assinou a extensão Supermax com a franquia de Massachusetts e se tornou o atleta mais bem pago da liga, garantindo um recebimento total de US$ 304 milhões (mais de R$ 1,4 bilhão) nos próximos cinco anos – uma média de US$ 60,8 milhões anuais. 

O acordo com Brown faz parte de um mecanismo da NBA que permite que um time ofereça um aumento significativo de salário para um jogador de destaque do seu elenco. Para ser elegível ao Supermax, o jogador precisa cumprir alguns critérios, como tempo de experiência na liga e ter recebido premiações significativas (como ser eleito All-Star ou MVP). 

Jaylen Brown receberá o valor de US$ 304 milhões dividido em salários anuais que terão um acréscimo ano após ano. Na primeira temporada serão US$ 53,4 milhões, e as seguintes serão na ordem de US$ 56,6 mi, US$ 60,7 mi, US$ 64,9 mi e US$ 69,1 mi. 

Brown foi uma das peças-chave da campanha dos Celtics na última temporada, com uma média de 26,6 pontos, 6,9 rebotes e 3,5 assistências por jogo. No entanto, ele não foi tão decisivo como se esperava nos playoffs – especialmente na derrota para o Miami Heat na final da Conferência Leste. Além disso, seu colega de time, o ala Jayson Tatum, sempre apresentou melhores números (30,1 pontos, 8,8 rebotes e 4,6 assistências). 

O ala/armador, porém, entrava em seu último ano de contrato com os Celtics, e a franquia se apressou para mantê-lo no elenco. Com a extensão Supermax, Brown passou (e muito) outros jogadores que aparecem na lista dos mais bem pagos da NBA. 

Para se ter uma ideia, o armador Stephen Curry, que já está no seu segundo contrato Supermax com o Golden State Warriors, tem um acordo para receber US$ 215,4 bilhões (mais de R$ 1 bi) ao longo de quatro temporadas. O armador, vale lembrar, possui quatro títulos da NBA, foi eleito MVP da temporada em duas ocasiões e melhor jogador da final em uma ocasião. 

Já Nikola Jokic, pivô campeão do Denver Nuggets e MVP da última final, era quem tinha o maior contrato em vigor: US$ 276,1 mi (quase R$ 1,3 bi) espalhados em cinco temporadas. O grego Giannis Antetokounmpo é o sexto do ranking dos maiores contratos: o ala destaque da campanha vitóriosa do Milwaukee Bucks em 2021 recebe US$ 228,2 mi (cerca de R$ 1,1 bi) por cinco anos de vínculo. 

Até por essas comparações, os valores da negociação com Brown foram alvo de questionamentos. O ala/armador ainda não se sagrou campeão da NBA na carreira e nem foi eleito MVP de temporada. Além disso, mostra dependência da presença de Tatum em quadra – quando um dos craques não está, o desempenho dos Celtics cai consideravelmente. Tatum, aliás, fica elegível para um Supermax na próxima temporada, e para manter o ala o time de Boston precisará se readequar financeiramente. 

Confira, a seguir, os 10 maiores contratos em vigor na NBA (por valor total do vínculo): 

1. Jaylen Brown (Boston Celtics) 

Posição: Ala/armador

Valor total: US$ 304 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 60,8 milhões

2. Nikola Jokic (Denver Nuggets)

Posição: Pivô

Valor total: US$ 276,1 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 55,2 milhões 

3. Bradley Beal (Phoenix Suns*)

Posição: Armador

Valor total: US$ 251 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 50,2 milhões

* Contrato assinado em 2022 quando Beal ainda estava no Washington Wizards e que será mantido pelos Suns)

4. Devin Booker (Phoenix Suns)

Posição: Armador

Valor total: US$ 234,6 milhões

Duração: 4 anos

Média anual: US$ 58,5 milhões

4. Karl-Anthony Towns (Minnesota Timberwolves)

Posição: Ala/pivô

Valor total: US$ 234,6 milhões

Duração: 4 anos

Média anual: US$ 58,5 milhões

6. Giannis Antetokounmpo (Milwaukee Bucks) 

Posição: Ala

Valor total: US$ 228,2 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 45,6 milhões

7. Stephen Curry (Golden State Warriors)

Posição: Armador

Valor total: US$ 215,4 milhões 

Duração: 4 anos

Média anual: US$ 53,8 milhões

8. Luka Doncic (Dallas Mavericks)

Posição: Ala/armador

Valor total: US$ 215,2 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 43 milhões

8. Zach LaVine (Chicago Bulls)

Posição: Ala/armador

Valor total: US$ 215,2 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 43 milhões

8. Trae Young (Atlanta Hawks)

Posição: Armador

Valor total: US$ 215,2 milhões

Duração: 5 anos

Média anual: US$ 43 milhões 

11. Joel Embiid (Philadelphia 76ers)

Posição: Ala/pivô

Valor total: US$ 213,3 milhões

Duração: 4 anos

Média anual: US$ 53,3 milhões