fbpx
Início » Entrevistas » Entrevista com Fabrício Guerra e Theo Guedes – De frente com os ADM’s
Entrevistas

Entrevista com Fabrício Guerra e Theo Guedes – De frente com os ADM’s

fan-art-apex-legends

Além da série Semanando de Podcasts, estamos começando também uma nova série, “De Frente com os ADM’s”, de entrevistas com nomes do mundo games, sejam eles jogadores ou pessoas relacionadasa esse universo. Nessa primeira edição, entrevistamos o Fabrício e o Theo, donos de um dos desenhos mais “badalados” da semana pela comunidade do Reddit.

Salve galera, quem fala com vocês é o Adryel, ou Sh00ter como preferirem, e trago hoje para vocês conhecerem dois monstros que conheci pelas internets com uma arte de Apex que já está rodando o mundo todo, vale a pena conhecer o trabalho deles!

Enquanto estava perambulando pelo reddit nesses últimos dias, encontrei uma fã-arte sensacional de Apex com milhares de curtidas, acho que a melhor que já vi até hoje, e quando olhei a assinatura me espantei com um nome mais comum no Brasil “Fabrício Guerra”.

Fui atrás de suas redes sociais e VOALÁ, achei os artistas por trás dessa arte sensacional que já está correndo toda a internet. E sabe qual o melhor? Conseguimos falar com eles, saca só a entrevista abaixo…

Fabrício Guerra – 40 anos. ilustrador e quadrinista

Theo Guedes – 37 anos. Designer e o cérebro gamer da dupla por trás da ilustração.  

A arte que está rodando o mundo todo

1 – Desde quando vocês são ilustradores profissionais?

FABRÍCIO – Eu sou ilustrador profissional há 10 anos. Já trabalhava com desenhos há mais tempo, como caricaturista, mas não era ainda totalmente dedicado a isso. Desde 2008/2009 mais ou menos que estou trabalhando com ilustrações e quadrinhos em tempo integral.

THEO – Eu sou designer, não sou ilustrador, mas jogo bastante videogame.

2 – Já fizeram outras artes relacionadas a games? 

FABRÍCIO – Sim, embora confesso que foram poucas, em comparação a outras mídias, como quadrinhos, séries etc. Prometo corrigir isso !  Mas sempre que o tempo permite, gosto de recriar o visual de games mais antigos como o redesign do game beat ‘em up CAPITÃO COMANDO, ou então deste rascunho do Castlevania que é um dos meus games favoritos.

Castlevania – Fabrício Guerra

3 – De onde surgiu a ideia de fazer a arte de Apex?

FABRÍCIO – Tudo culpa do Theo!

THEO –  a ideia surgiu do envolvimento com o jogo, por jogar quase todo dia, acabo tendo ideias de como seria o uso dos poderes dos personagens no cotidiano, como fazem nos quadrinhos de Overwatch. Então fiquei pensando em algumas cenas maneiras envolvendo as interações dos personagens, suas personalidades e suas habilidades. Aí conversei com o Fabrício se ele nãoes tava a fim de fazer uma ilustração legal baseada numa ideia que eu tive e postar no Reddit, pra ganhar visibilidade mesmo e dar um boost nas redes sociais =) Ele topou e começou a rascunhar e já ficou maneira desde o primeiro rascunho. Agora estamos com novas ideias de outras ilustrações que devemos postar no Reddit também, dada a boa repercussão do primeiro experimento.

4 – Estão jogando Apex Legends ? O que acham do jogo?

FABRÍCIO – Ainda não tive tempo para jogar Apex Legends, mas farei isso em breve. Certamente serei aquele carinha que só vai ficar responsável por marcar os inimigos, rsrsr. Confesso que sou bem ruinzinho em jogos FPS.

THEO –  Eu jogo desde o primeiro dia. Por coincidência eu tinha comprado Titanfall 2 uns 2 meses antes do Apex sair e achei o jogo fantástico. Fiquei levemente frustrado pela Respawn não conseguir o reconhecimento que merecia nem por Titanfall 1 (Acredito que a exclusividade do Xbox tenha atrapalhado) nem por Titanfall 2 (Aí já foi trapalhada da EA mesmo com a data de lançamento). Titanfall 2 era tão redondinho, com uma campanha tão gostosa de jogar, que acabei permanecendo no multiplayer dele, que ainda tem uma população bem razoável no PS4.

Conceito de Capitã Comando

Só larguei mesmo no dia que Apex saiu. Novamente a Respawn botou todo o coração dela e entregou de súbito um jogo super redondo, que não teve alfa aberto, não teve beta aberto nem nada! Só lançou! Tá aqui o jogo, haha. Escapou de um possível backlash por ser publicado pela EA e entregou direto na mão dos jogadores para tirarem suas próprias conclusões sem viés de nenhum influenciador. Achei o lançamento genial e o jogo muito próximo de um produto AAA perfeito. Continuo jogando e não devo parar tão cedo. Battlepass, cadê?? Alô @respawn!!!

Conheçam as redes sociais e um pouco mais do trabalho desses dois caras sensacionais que merecem o reconhecimento por suas artes.

Fabrício Guerra

Site: fabricioguerra.com.br

Deviantart: deviantart.com/fabricioguerra

Instagram: @fabricio_guerra_art

Email: sampaioguerra@gmail.com

Theo

Facebook: facebook.com/theo.guedes

Instagram: @theeoguedes

About the author

Adryel Guimarães

Adryel Guimarães

22 anos, começou a jogar jogos de tiro online a partir de COD MW2, Apex foi o primeiro BR que eu curti e estou jogando.
Podem falar mal do Gibraltar mas ele é uma boa lenda sim!

Add Comment

Click here to post a comment